A expedição no Atlântico continua e o lixo também

Compartilhe:

Postado em 30/01/2010 - 5 Gyres Blog

Esse foi o nosso primeiro dia no mar após 10 dias inacreditáveis nas Bermudas. A ilha é agora um ponto distante no horizonte, e estamos colocando o arrasto de investigação de volta na água. Nós diminuimos a velocidade do veleiro em até 2 nós enquanto enquanto fazemos o arrasto durante 3 horas, coletando tudo que estiver flutuando na superfície. Às 1:30 da manhã, puxamos a rede. Entre filmes plásticos desfiados, pellets e pedaços aleatórios de plástico, nós também coletamos um anel de jarro de leite.

Em nossas palestras falamos frequentemente sobre o impacto da poluição de plástico sobre a vida selvagem. Existe uma tartaruga mordedora chamada "Mae West". Quando era um filhote, ela entrou em um anel de jarro de leite. Ela cresceu e não conseguiu quebrar este espartilho em torno de sua cintura. Agora ela é tão grande como uma bola de futebol, mas com uma cintura fina, mais parecendo uma ampulheta. Sua espinha nunca foi curada.



Este é um exemplo de dois problemas-chave para a questão da poluição de plástico. Em primeiro lugar, esse anel de jarro de leite é um produto feito para durar para sempre, mas projetado para ser jogado fora. Jogando fora os produtos de plástico, que não são biodegradáveis, estamos rapidamente enchendo o nosso mundo lixo.

Em segundo lugar, dos milhões de produtos fabricados em plástico, apenas uma pequena parte é reaproveitada. Duas empresas, Naked Juice e Fazendas Earthbound, recolhem de volta todos os seus recipientes de plástico e recuperam, retornando ao produto original. Mas milhões de outros produtos feitos de plástico não têm qualquer plano pós-consumo, assim, você os encontra em estradas, enchendo aterros, em praias, e flutuando no mar. Temos de melhorar a recuperação desse material. E lembre-se, a recuperação não começa no mar. Os 5 giros subtropicais do mundo não podem ser limpos, mas podemos acabar com a cultura de "jogar fora" do consumo de plástico, e melhorar a recuperação de tudo.

Confira o vídeo feito pela expedição nas Bermudas:




.