Entidade de bairro em Santos precisa de apoio!

Compartilhe:


16/07/2012 - William Rodrigue Schepis / IEF

A Associação dos Moradores e Amigos do Caminho da União completou 10 anos e está precisando de doações para deixar de ser um barraco de madeira e poder representar a comunidade como deve ser, com respeito e dignidade.

Fachada da Associação dos Moradores e Amigos do Caminho da União

Por definição as entidades de bairro possuem o papel de promover a discussão política entre os moradores, trazer à tona as necessidades e interesses da comunidade, formando um canal de comunicação entre a sociedade e a prefeitura. Outra característica comum das entidades de bairro é propiciar espaços de convívio social visando a educação ou capacitação de seus associados.

Mas para que todos esses serviços possam ser oferecidos à cominidade, é fundamental que a entidade de cada bairro receba o apoio da prefeitura por meio de seus órgão e conselhos, quando for necessário. Sobretudo no tocante a infraestrutura básica, como alvenaria, telhado e hidráulica.

Corredor lateral da Associação. Notem como a madeira, mesmo distante do solo, apodrece rápidamente com a umidade da região.

Não é o que ocorre com a associação que representa os moradores do Caminho da União, no Jardim São Manoel, Zona Noroeste de Santos. A sede consiste em um barraco de madeira construído em 2002, após o mangue ser aterrado. De lá pra cá alguns tapumes e telhas foram trocados, e só.

O telhado é de brasilit e quando chove dá goteiras. Durante os meses quentes tem dias que a temperatura interna ultrapassa 40ºC, que combinada com a umidade alta do manguezal torna o ambiente insuportável. No frio, a temperatura despenca ficando mais frio dentro (sombra) do que fora.

Entrada da entidade
Área aberta nos fundos
Porta e janela dos fundos
Cozinha
Banheiro masculino
Banheiro feminino. Até o mês de agosto deste ano os banheiros deverão oferecer condições de uso para as crianças.

A sede da entidade já recebeu a visita de inúmeros políticos da região, dentre eles vereadores e administradores municipais, sempre na companhia do presidente da associação, o senhor João Manoel Líbero, em que eu algumas vezes estive presente. Muitas promessas de socorro foram realizadas, mas até o momento nenhuma se concretizou.

Outro problema na utilização da madeira são os cupins
As paredes não resistem a umidade e aos cupins


Parceiro da Associação dos Moradores e Amigos do Caminho da União desde 2010, o Instituto EcoFaxina também aguarda anciosamente a concretização dessas promessas. Impreterivelmente, a partir do mês de agosto, mesmo sem a ajuda solicitada aos órgão públicos, será dado início às atividades do Programa Turma Ecológica para 30 crianças que moram em palafitas e já estão cadastradas.

O Termo de Parceria entre o Instituto EcoFaxina, firmado no início de 2010, prevê a realização de aulas de reforço escolar e educação ambiental para crianças de 6 a 14 anos de idade, nos períodos da manhã e da tarde, com o apoio de dois estagiários de licenciatura da Universidade Santa Cecília - UNISANTA, que receberão bosas de 40% nas mensalidades.

Dentre os materiais didáticos, o Instituto EcoFaxina já conta com livros didáticos de todas as disciplinas dos Ensinos Fundamental e Médio, doados pela Prefeitura de São Vicente, além de vasto conteúdo para atividades de Educação Ambiental.

Apesar de todas a dificuldade, o Instituto EcoFaxina conta com o apoio de empresas e da sociedade civil para adequar o espaço e torná-lo condizente com suas finalidades.

Abaixo segue a lista de materiais que podem ser doados:
  • 5.500 blocos (14 x 19 x 39cm)
  • 70 sacos de cimento
  • 180m2 de piso frio
  • 05 portas (2,10 x 0,80m) com batente reto (2,10 x 0,80m - 4 x 14cm)
  • 03 janelas basculante alumínio (40 x 60cm)
  • 08 janelas de correr 6 folhas com grade (100 x 150cm)
  • 72 telhas brasilit (3,66 x 1,10m - 8mm)
  • 01 fogão industrial
  • 01 geladeira
  • 15 computadores
  • 01 projetor
  • 01 ar-condicionado (18.000 BTU)
  • 20 carteiras escolares
  • Armários/estantes
Fotos: Instituto EcoFaxina
.